Aprendendo sobre… diamantes!

Confesso que antes de fazer o curso Mais Varejo Básico da AJESP/IBGM semana passada eu não tinha muita noção do que significava esse post da sister, que conta sobre a descoberta de um diamante gigante. E pode ser que depois de ler o que escrevo agora, você também o interprete de outra maneira. Acontece que eu adorei conhecer um pouco acerca do real valor de algumas pedras preciosas (que vai além da questão monetária) e vou dividir o que assimilei com vocês nos próximos dias, espero que apreciem tais informações tanto quanto eu.

O Lesotho Brown possuía 601 ct e foi o descoberto em 1967

601 quilates descobertos em 1967

Constituído de carbono puro cristalizado, o diamante é geralmente encontrado na natureza embaixo da terra (minas) ou nos leitos dos rios. Da Escala de Mohs (que mede de forma crescente a dureza, ou seja, a resistência a riscos e danos dos minerais), é o elemento que ocupa o maior posto (10) e quanto mais incolor for um diamante, mais valioso será, segundo o Instituto Gemológico da América (GIA) – aproveite a visita e assista ao vídeo interessantíssimo sobre como escolher um diamante, que explica os quatro Cs de valorização da gema (color, clarity, cut and carat weight).

Angelina e o colar Athena da H. Stern, um dos mais valiosos da joalheria

Angelina e o colar Athena da H. Stern, um dos mais valiosos da história da joalheria

Um dos quesitos avaliados para classificar um diamante é a pureza, cuja perfeição é a inexistência de inclusões (substâncias não cristalizadas no interior da pedra). Dá pra imaginar agora porque um mísero pontinho da gema pode custar uma fortuna, né? Porque é a expressão da excelência da natureza em sua forma mais pura (que profundo isso, virei poetisa hehe)!

"Diamonds are girl's best friend" já cantava Marilyn

"Diamonds are girl's best friend" já cantava Marilyn

E, sendo esta sensacional expressão da natureza, não é à toa que simbolize o amor. Ahhh! Ainda mais se for lapidado em forma de brilhante, cujas medidas milimetricamente proporcionais somam 57 ou 58 facetas e são conhecidas há mais de 100 anos.

Diamante com lapidação brilhante

Diamante com lapidação brilhante

Gostaram? Então fiquem ligados que em breve conto o que aprendi sobre rubis, esmeraldas, safiras etc..

(posted by nfuzaro)

14 thoughts on “Aprendendo sobre… diamantes!

  1. Ameiiiiiiiiiiiiiiiiii esse post,adoro essas coisas!!! Já estou curiosa e quero saber mais sobre o que vc aprendeu no curso! Demaissssssssss!
    bjus

  2. Amei, super interessante, viu!
    Nao sabia de nada disso.
    E gostei da relaçao: excelencia da natureza – diamantes – amor!
    Que lindo! Vou mostrar ao meu namorado e quem saber convence-lo do anel-aparador que eu quero para usar com nossas alianças. Ele nao entende como umas “pedrinhas de diamante” pode ser tao caro! hehehhee Mas é tao lindo, eu queria!
    Alias, meninas, vc poderiam falar de alianças e esses aneis-aparador (eu nem sabia que existia, mas adorei e estou mais empolgada com eles do que com as alianças em si, hehhehee, mesmo que eles sejam totalmente dispensaveis!).

    Bjs

  3. boa idéia Paula, vamos pesquisar e fazer um post sobre isso! Vou ver o site que vc mandou já já, obrigada,bjus

  4. Olá meninas, como estão todas vcs? Posso falar sobre os aparadores? Geralmente são dois modelos de anéis iguais,tipo aliança usados entre o anel de noivado ou de casamento. Muitas pessoas também usam o termo suporte de aliança. Podem ser alianças com pedras, nas diferentes formas ou simplesmente algo mais simples. O que me chamou a atenção esta semana foi ler que o designer Ara Vartanian desenhou a de seu casamento, sendo que as duas alianças podem ser encaixadas e formam o desenho de um eletrocardiograma!!!!!! Existe algo mais rômantico?????? Bjs mil…….

  5. Margareth, estou tentando imaginar o desenho de eletrocardiograma a partir de alianças, deve ter ficado bem diferente e lindao, hein?
    Quem sabe as meninas encontram mais informaçoes e postam aqui, fiquei curiosa. :)

  6. Margaridinha e Paula, vocês arrasaram, hein? Adorei a idéia do post e a troca de know how!
    Beijocas,

  7. Nossa quanto romantismo aqui no Porcinas… Cheio de mulheres apixonadas! rsrs
    Interessante essa liga;ao que ha entre a natureza e o amor representado em seu produto.
    Gente, com certeza vcs tem q escrever um post com as alian;as em forma de eletrocardiograma. Unico!
    Bjs girls

  8. Pingback: Aprendendo sobre… rubis! « Porcinas

  9. Pingback: Aprendendo sobre… safiras! « Porcinas

  10. Pingback: Aprendendo sobre… esmeraldas! « Porcinas

  11. Olá, adorei seus comentarios, gostaria de obter mais informacoes, ou se voce pode me indicar algum curso no Rio de janeiro de classificação de diamantes.
    desde já agradeço, jorge luiz.

  12. Oii Jorge, obrigada pelas considerações! Olha, não sei de cursos no Rio, mas aqui em Sampa tem uns muito bons no IBGM. Talvez se você entrar em contato eles te informem melhor.
    Desculpe não ajudar muito, ok? ;)
    Beijoks!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s